Contraste da Eternidade.

Essa mensagem fala sobre céu e inferno pois há pessoas que precisam definir o seu destino eterno!

O diabo quer levar o maior número de pessoas com ele, para o lago de fogo, e uma estratégia usada por ele é a de fazer com que as pessoas não creiam na existência do inferno.

Todos teremos dois destinos: com Deus, no paraíso, ou em sofrimento eterno, no inferno.

O ser humano morre apenas fisicamente, assim como qualquer ser vivo. Já o espírito é eterno! E o desejo de Deus é o de que nosso espírito retorne para Ele.

Em Lucas 16:19-31 está escrita a parábola contada por Jesus a respeito do pobre e do rico: Ora, havia um homem rico, e vestia-se de púrpura e de linho finíssimo, e vivia todos os dias regalada e esplendidamente. Havia também um certo mendigo, chamado Lázaro, que jazia cheio de chagas à porta daquele; E desejava alimentar-se com as migalhas que caíam da mesa do rico; e os próprios cães vinham lamber-lhe as chagas. E aconteceu que o mendigo morreu, e foi levado pelos anjos para o seio de Abraão; e morreu também o rico, e foi sepultado. E no inferno, ergueu os olhos, estando em tormentos, e viu ao longe Abraão, e Lázaro no seu seio. E, clamando, disse: Pai Abraão, tem misericórdia de mim, e manda a Lázaro, que molhe na água a ponta do seu dedo e me refresque a língua, porque estou atormentado nesta chama. Disse, porém, Abraão: Filho, lembra-te de que recebeste os teus bens em tua vida, e Lázaro somente males; e agora este é consolado e tu atormentado. E, além disso, está posto um grande abismo entre nós e vós, de sorte que os que quisessem passar daqui para vós não poderiam, nem tampouco os de lá passar para cá. E disse ele: Rogo-te, pois, ó pai, que o mandes à casa de meu pai, Pois tenho cinco irmãos; para que lhes dê testemunho, a fim de que não venham também para este lugar de tormento. Disse-lhe Abraão: Têm Moisés e os profetas; ouçam-nos. E disse ele: Não, pai Abraão; mas, se algum dentre os mortos fosse ter com eles, arrepender-se-iam. Porém, Abraão lhe disse: Se não ouvem a Moisés e aos profetas, tampouco acreditarão, ainda que algum dos mortos ressuscite”.

E essas são as lições que Deus quer nos ensinar com esse texto:

1. Existe um destino eterno: céu ou inferno

Está claro no texto que haverá dois destinos e que a morte iguala todos os viventes; a pessoa pode ter sido rica, inteligente, o que for, todas morrerão e nada levarão com elas.

Várias são as passagens da Bíblia que mencionam o inferno; como um alerta para as pessoas pois é uma realidade.

Marcos 9:43: “E, se a tua mão te escandalizar, corta-a; melhor é para ti entrares na vida aleijado do que, tendo duas mãos, ires para o inferno, para o fogo que nunca se apaga”.

Para ir ao inferno, a pessoa não precisa fazer nada.

Para ir para o céu, precisa crer em Jesus Cristo como Senhor e Salvador e entregar a vida a Ele; não basta crer só em Deus. Muitos creem em Deus mas o caminho para chegar até Deus é único: Jesus Cristo. Ele é o caminho, a verdade e a vida (João 14:6). Para chegar ao Pai, primeiro precisamos chegar ao Filho. Jesus é o mediador entre Deus e o homem! A autoridade está sobre Jesus Cristo que nos levará até a eternidade.

Esses versículos confirmam a autoridade dada por Deus a Jesus:

“Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu único filho para que todo aquele que nele crê não pereça mas tenha vida eterna” (João 3:16).

“O qual é imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação” (Colossenses 1:15).

“Porque foi do agrado do Pai que toda a plenitude nele habitasse” (Colossenses 1:19).

“Porque nele habita corporalmente toda a plenitude da divindade” (Colossenses 2:9).

2. A consciência após a morte.

Na parábola, o rico tinha plena consciência do que estava acontecendo com ele no inferno; demostrando que o que a Bíblia fala é uma realidade espiritual. A vida continua após a morte, em outra dimensão, e o que fazemos aqui na terra definirá qual será nosso caminho quando a morte chegar.

Não haverá sono profundo como alguns creem. Era da cultura judaica usar o termo “adormecido” para se referir a morte. Mas não que é isso vai acontecer.

Jesus disse ao ladrão da cruz, que se converteu naquele momento, que naquele dia mesmo estariam no paraíso.

3. O problema não é ser rico

O problema não era aquele homem ser rico; muitos homens citados na Bíblia eram ricos (Zaqueu por exemplo – Lucas 19, o qual teve uma transformação em seu caráter após a conversão). O grande problema é o que a riqueza faz no coração do homem, o levando a ser servo do dinheiro.

O amor ao dinheiro é que é a raiz de todos os males.

Paulo orientou Timóteo a levar esse ensinamento a Igreja, para aqueles que tinham mais recursos:

1 Timóteo 6:17-19: Manda aos ricos deste mundo que não sejam altivos, nem ponham a esperança na incerteza das riquezas, mas em Deus, que abundantemente nos dá todas as coisas para delas gozarmos; Que façam bem, enriqueçam em boas obras, repartam de boa mente, e sejam comunicáveis; Que entesourem para si mesmos um bom fundamento para o futuro, para que possam se apoderar da vida eterna”.

Quando uma pessoa compartilha o que tem, abençoa o Reino de Deus, abençoa vidas e investe na eternidade.

4. Após a morte, nada mais poderá ser feito

Tudo estará definido após a morte.

E para nos justificarmos, precisamos de Cristo! Quando cremos em Jesus e nos submetemos a Ele, nos tornamos filhos de Deus.

Purgatório, comunicação entre vivos e mortos, são eventos que não encontram fundamento bíblico.

O rico rogou a Deus para que mandasse Lázaro, que também havia morrido, à casa de seu pai e desse testemunho aos seus cinco irmãos para que os mesmos também não fossem destinados ao inferno. Mas Abraão lhe respondeu que se seus irmãos nem a Moisés e aos Profetas ouvissem, tampouco acreditariam se algum morto ressuscitasse.

Lázaro, irmão de Marta e Maria, foi ressuscitado por Jesus após quatro dias que estava morto, e alguns quiseram matá-lo; muitos nem assim creram em Jesus.

Judas, enquanto discípulo, viu Jesus ressuscitando pessoas e tantos outros milagres e mesmo assim não creu em Jesus e o traiu no final.

Tomé, se converteu em um momento em que pôde tocar nas cicatrizes de Jesus, mas quantos milagres ele viu anteriormente pois andava junto com Jesus.

Existem pessoas que querem algo sobrenatural para crer em Jesus; querem ver a glória de Deus para só então crerem em Deus, mas não é assim que precisamos agir.

Está em Hebreus 9:27 que a morte acontece uma única vez: “Da mesma forma, como o homem está destinado a morrer uma só vez e depois disso enfrentar o juízo”.

O homem só tem uma vida! Assim está na palavra de Deus!

Então a escolha é aqui: o caminho da benção ou caminho da derrota espiritual. A vida com Deus, seguindo Jesus, será benção. Então, por que não escolher esse caminho?

5. Só há um caminho para a salvação

Apenas através de Jesus seremos justificados! Deus deu seu próprio filho para nos salvar. E só teremos a eternidade se tivermos Jesus Cristo como nosso Senhor e Salvador, entregando nossa vida a Ele!

“Para a vida eterna, precisamos conhecer a Deus e a Jesus Cristo a quem enviaste” (João 17:3).

O teólogo irlandês C.S. Lewis tinha uma frase que dizia assim: “O Cristianismo se for falso, não tem valor; se for verdadeiro, tem valor infinito; a única coisa que lhe é impossível é ser mais ou menos importante”.

Deus honrará a sua fé e a sua decisão.

Lembre-se: só há um caminho para a salvação, que é Jesus Cristo; precisamos ter essa experiência, através da fé, da obediência, do crescimento na palavra, até o caminho em que encontrarmos o Senhor!

Atos 4:12: “Não há salvação em nenhum outro, pois, debaixo do céu não há nenhum outro nome dado aos homens pelo qual devamos ser salvos”.

João 14:6 “Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por Mim”.


Pr. Jefferson Borges

Data: 14/06/2020

SOBRE NÓS

A Nova Igreja Batista (NIB) do Paraná em Cascavel é uma igreja  para toda a família, que acredita na alegria de ser cristão e no prazer de compartilhar essa alegria com outras pessoas, para que recebam a Palavra de Deus, amor e salvação em Cristo. 

Dízimos e Ofertas

Banco do Brasil

Ag. 4693-0  |  Conta 12508-3

Sicoob

Ag. 4370-2  |  Conta 26490-3

Santander
Ag: 0949 | CC: 13001667-8

Cnpj: 08.683.688/0001-63

(45) 3035-4190 / 99935-2261 (VIVO)

Rua Carlos de Carvalho, 3289  

Centro (Esquina com Rua Santa Catarina) - CEP 85801-130

Cascavel – Paraná – Brasil

nibpr@hotmail.com

  • Grey Facebook Icon
  • Cinza ícone do YouTube

© 2018 por Nova Igreja Batista do Paraná.