Você foi feito para uma missão: Evangelizar

Atualizado: 13 de Nov de 2019


Campanha 40 dias com Propósitos.

O primeiro propósito que Deus tem para nós é o de que a nossa vida existe para agradá-lo, engrandecê-lo. O segundo, é o de que fomos feitos para fazer parte da família de Deus porque Ele ama relacionamentos; o terceiro, é o de que Deus nos fez à imagem e semelhança Dele e Ele quer que cada um de nós nos pareçamos com Jesus... no caráter, no jeito de ser, nos relacionamentos e no enfrentamento de situações difíceis da vida. O quarto propósito é o de que Deus nos salvou para estarmos engrenados na família. Deus não nos moldou para sermos expectadores, mas sim para servirmos no corpo de Cristo, cada um com seu dom, com seu talento.

E o último propósito é o de que fomos feitos para cumprir uma missão, que é a de Evangelizar.

Jesus falou para todos nós, em Marcos 16:15: “Vão pelo mundo todo e preguem o Evangelho a todas as pessoas”.

E em Atos dos Apóstolos está: “Mas receberão poder quando o Espírito Santo descer sobre vocês, e serão minhas testemunhas em Jerusalém, em toda a Judeia e Samaria, e até os confins da terra”.

Jesus disse para sermos testemunhas Dele. Testemunhar é relatar o que presenciamos, contar a nossa experiência. Onde pudermos, devemos pregar o Evangelho!

Em Lucas, Capítulo 8, a partir do versículo 27, encontramos a passagem em que Jesus foi ao encontro de um endemoninhado de uma cidade que ficava na região dos Gerasenos. Esse homem vivia no cemitério, sem roupas, sem casa.

Jesus tirou o espírito imundo daquele homem e ele voltou para a cidade, com roupas e em perfeito juízo.

No versículo 39 Jesus falou ao homem: “Volte para casa e conte o quanto Deus lhe fez”.

O homem queria seguir Jesus e contar às outras pessoas o que tinha acontecido a Ele. Mas Jesus lhe disse para que voltasse para casa e contasse à sua família e às pessoas de sua cidade o quanto Deus lhe fez. E ele fez isso.

Ser testemunha é contar às outras pessoas o que aconteceu com você.

No caso do homem, Jesus sabia que, se ele voltasse e contasse o que lhe havia acontecido à sua família e às pessoas de sua cidade, seu testemunho seria muito mais impactante do que se ele acompanhasse Jesus. Isso porque eles iriam para lugares onde as pessoas não sabiam de sua história passada, pessoas que não tinham visto sua situação anterior… então, naquela cidade, onde tantos o presenciaram e não conseguiram salvá-lo, a experiência dele seria muito mais reveladora.

É importante termos em mente que, para pregarmos o Evangelho, não é essencial que recitemos versículos. Isso é bom, mas não é preciso. O relato do que vivenciamos, do que mudou na nossa vida depois que aceitamos a Cristo como nosso Senhor e Salvador, é o que gerará impacto nas demais.

Por exemplo, uma pessoa que vivia na imoralidade e, em Cristo, é nova criatura; foi transformada por Jesus. As pessoas precisam saber o que mudou na vida dessa pessoa, como Jesus a transformou... elas precisam de realidade e não de religiosidade. As pessoas estão em busca do Evangelho simples, aquele que Jesus pregou, o Evangelho puro e verdadeiro; elas estão em busca de uma experiência verdadeira com Deus, pois é isso que transforma a nossa vida.

O Apóstolo Paulo deixou Timóteo em Éfeso para cuidar da Igreja daquela cidade, onde as pessoas eram cultas, mas extremamente espiritualistas e místicas. Elas adoravam outros deuses e tinham alto grau de imoralidade. Paulo então disse a Timóteo que ele teria condições de ganhar aquele povo para Jesus.

Timóteo era jovem, e recebeu a seguinte advertência de Paulo: “Ninguém o despreze pelo fato de você ser jovem, mas seja um exemplo para os fiéis na palavra, no procedimento, no amor, na fé e na pureza” (1Timóteo 4:12).

Com obediência, com bons relacionamentos com as outras pessoas, com amor, com palavras de encorajamento, de esperança, que dê sentido às vidas das demais pessoas e lhes dê oportunidade de mudanças, estaremos cumprindo a missão de Evangelizar.

Mas precisamos nos encorajar, sair de nossa comodidade e passarmos a influenciar pessoas. E aquilo que somos, como agimos, tem muito mais força do que o que simplesmente falamos.

Assim, esses são os motivos para todos passemos a Evangelizar:

1. Porque é mandamento. Jesus mandou: Vão e façam discípulos de todas as nações! Mandamento não se discute e quem ama a Deus obedece. Se o Evangelho chegou até nós, precisamos compartilhar com as outras pessoas… vizinhos, familiares, local de trabalho, onde formos devemos compartilhar nossas experiências com Deus. O Evangelho é para se viver no dia a dia.

“Pois Deus não nos deu um espírito de covardia, mas de poder, de amor e de equilíbrio” (2 Timóteo 1:7).

Deus nos deu poder para pregarmos o Evangelho onde formos. Não podemos pensar que se formos pregar o Evangelho em determinados locais, como o nosso trabalho, estaremos misturando as coisas. É em grupo pequenos que conseguimos desenvolver essa missão e onde os resultados são mais produtivos.

Não podemos ignorar condutas imorais que presenciamos, devemos interferir e mostrar que a vida com Deus é inovadora.

Para tanto, podemos orar a Deus para que Ele nos mostre a quem devemos Evangelizar. Não podemos viver como se o Evangelho fosse algo religioso, em quatro paredes, o Evangelho é para se viver todos os dias!

2. Porque devemos ter amor pelas pessoas. Devemos enxergar com olhos de eternidade às demais pessoas; um dia iremos embora daqui e durante o tempo em que aqui estamos, temos que exercitar, praticar, influenciar, ajudar as pessoas que estão perdidas na imoralidade e no que o mundo apresenta, para que elas se transformem.

Orem a Deus e ajam! Orem para que Deus lhes mostrem as pessoas que precisam ser transformadas, para que possam testemunhar o que Deus mudou em suas vidas.

Precisamos ver vidas transformadas. Muitos estão sofrendo ao nosso redor porque estão sem Cristo, estão sem sentido em suas vidas, e o maior presente que podemos dar para eles é a vida em Cristo!


Pastor: Jefferson Borges

Data: 23/06/2019

SOBRE NÓS

A Nova Igreja Batista (NIB) do Paraná em Cascavel é uma igreja  para toda a família, que acredita na alegria de ser cristão e no prazer de compartilhar essa alegria com outras pessoas, para que recebam a Palavra de Deus, amor e salvação em Cristo. 

Dízimos e Ofertas

Banco do Brasil

Ag. 4693-0  |  Conta 12508-3

Sicoob

Ag. 4370-2  |  Conta 26490-3

Santander
Ag: 0949 | CC: 13001667-8

Cnpj: 08.683.688/0001-63

(45) 3035-4190 / 99935-2261 (VIVO)

Rua Carlos de Carvalho, 3289  

Centro (Esquina com Rua Santa Catarina) - CEP 85801-130

Cascavel – Paraná – Brasil

nibpr@hotmail.com

  • Grey Facebook Icon
  • Cinza ícone do YouTube

© 2018 por Nova Igreja Batista do Paraná.